Mobile Menu
Categorias

LUCRECIA DALT (CO)

Som | Concerto
LUCRECIA DALT (CO)
Local
Claustro da Catedral de Viseu
Horário
7 Julho
Público-Alvo
M/12 – limitado ao espaço disponível

Com as suas experimentações surrealistas, a artista colombiana Lucrecia Dalt colecciona uma riqueza de influências artísticas e filosóficas: do Novo Cinema Alemão e da inteligência artificial à política da escuta e das ideias tecnológicas do futuro.

Depois de trabalhar como engenheira civil na Colômbia, Lucrecia mudou-se de Barcelona para Berlim. Lançou cinco álbuns a solo, colaborou com a sua alma gémea musical Julia Holter e trabalhou em podcasts para a rádio online do Museu de Arte Contemporânea de Barcelona. Trabalhou também em instalações de design de som e peças performativas para instituições como o Museu Reina Sofia e a galeria Maisterravalbuena de Madrid, em colaboração com a artista visual Regina de Miguel.

***

LUCRECIA DALT — ANTICLINES (Rvng Intl.) Lançamento: 4 de maio de 2018

Anticlines de Lucrecia Dalt é um volume de teoria poética e sonora que contempla os corpos do eu sobre e sob a superfície da Terra. Em Anticlines, Dalt conjura um espaço sónico de síntese especulativa e spoken word onde ritmos sul-americanos ecoam em composições contemporâneas que lembram Laurie Anderson, Robert Ashley, e Annea Lockwood. O LP/CD vem com o livro de letras que documenta o trabalho colaborativo de Dalt com Regina de Miguel e Henry Andersen, e inclui um código para download digital multiformatos.

Ao preparar a apresentação ao vivo para Anticlines, Dalt planeia um set ininterrupto, como uma espécie de palestra alienada, visando «gestos que criem tensões com objectos inexistentes». Dalt pretende «dar significado e lugar para o ouvinte meditar ou relacionar-se com as preocupações e ideias».